o-que-e-localizacao-de-aplicativos

O que é localização de aplicativos e porquê fazê-la?

Após a criação de seu aplicativo, você percebe que ele é um sucesso de downloads no Brasil. Como ele têm uma grande adesão, é hora de começar a pensar em expandir a área de atuação e mirar mercados internacionais. Nessa hora entra a localização de aplicativos.

O mercado de Apps se tornou mundial, como todos após a globalização. As conexões e a velocidade que nos comunicamos abre portas para conquistarmos novos mercados.

A Google Play Store já se encontra disponível em mais de 170 países. Já a Apple Store está em mais de 150 países. Pense na quantidade de usuários você poderia conseguir com a internacionalização e a localização de seu aplicativo.
Localização de aplicativos - tradução

Mas o processo não consiste apenas em fazer uma tradução do seu aplicativo para a língua do país. A localização garante uma adaptação completa do seu aplicativo ao país alvo.

O mercado de aplicativos

O Brasil apresenta um bom mercado de aplicativos, mas você sabia que mais da metade dos dispositivos mobile se encontram na Ásia ?

Além disso há mais de 4.7 bilhões de usuários de dispositivos móveis no planeta. 90% da atividade desses usuários se dá em aplicativos. É um mercado muito significativo e que pode ser explorado por seu aplicativo.

Para explorar esse potencial,é necessário que seja feita a localização de aplicativos.

O que é localização de aplicativos?

Para conquistar mercado fora do Brasil, você deve fazer mais do que apenas traduzir e disponibilizar seu aplicativo em outros países. É aqui que a localização de aplicativos te ajudará.

Quando você deseja entrar em uma nova região, as pessoas para quem você deseja vender devem ser estudadas. Comportamentos, preferências, hábitos de consumo e tudo aquilo que possa ser relevante para o sucesso do seu produto naquele mercado.

A localização de aplicativos faz exatamente isso. É o termo que usamos para falar de todos os fatores que devem ser levados em conta antes de expandirmos seu App para outros países.

localização de aplicativos - linguas

Você apenas traduzir seu produto, para o espanhol por exemplo, e disponibilizá-lo para todos os países dessa língua não dará certo. Apesar de falarem a mesma língua, os costumes e hábitos das pessoas desses lugares são muito diferentes e isso pode levar ao fracasso do seu aplicativo em outros países.

A tradução voltada para o público alvo do país escolhido deve ser levada em conta, procurando incorporar as gírias e palavras mais comumente usadas. O design deve ser otimizado, procurando adequá-lo às preferências daquela região. Seu aplicativo deverá ser repensado, procurando incorporar os hábitos daquela região.

O mesmo foco que você deu para melhorar a experiência do usuário para lançá-lo no Brasil deve ser dado em qualquer lugar. Afinal tudo se resume em oferecer ao seu público uma experiência única e incrível, que fará com que ele recomende seu aplicativo para mais pessoas.

Internacionalização x Localização de aplicativos

Internacionalizar e localizar não é a mesma coisa. Internacionalizar seu aplicativo é mais uma preparação de terreno para uma futura localização. Você garante que seu aplicativo não estará voltado para um único país, idioma, local ou cultura. Existem tutoriais de internacionalização para Android e IOS.

Já a localização de aplicativos, como citado anteriormente, prepara seu aplicativo para uma região específica. Você deve adicionar recursos específicos no seu App pensando em quem vai utilizá-lo naquele país.

Como falamos, a internacionalização é o passo a ser tomado antes da localização. Porém, com as ferramentas de tradução de softwares, o passo de internacionalização pode ser reduzido ou eliminado.

Como fazer a localização de aplicativos

Se você decidiu expandir seu aplicativo para o mercado global, aqui traremos algumas boas práticas para que você consiga localizar seu aplicativo.

1. Externalize seus recursos

Recursos são todos os elementos que não estão relacionados com a programação, ou o código, do seu aplicativo. Incluem as imagens, o conteúdo escrito, vídeos e todos os arquivos que acompanham o seu código.

Você deve externalizar esses recursos para que o processo de localização comece.

Como externalizar recursos Android

Como externalizar recursos IOS

Feito isso, garanta que seu aplicativo funcione normalmente. Isso é feito através da manutenção dos recursos padrão do seu aplicativo, que são aqueles que não contém nenhuma linguagem ou localização.

2. Pense e faça seu design

Quando se pretende fazer a localização de aplicativos, não podemos pensar apenas que estamos desenvolvendo em português. Devemos ter em mente que diferentes línguas têm diferentes espaçamento, há locais em que se lê da direita para esquerda (RTL) e vários outros fatores.


Diferença do espaçamento e tamanho das palavras

Tutoriais para colocar leitura da direita para esquerda estão disponíveis nas duas plataformas:

RTL para Android

RTL para IOS

Layout

Ao desenvolver o layout do seu aplicativo, pense no espaço dos locais que você colocará texto. No processo de tradução, algumas línguas apresentam espaçamento diferente. Francês e alemão podem ocupar 30% mais espaço quando traduzidos do inglês, enquanto finlandês ocupa 60% mais espaço.

Alguns alfabetos, que não são de origem latina, também podem apresentar grandes variações de tamanho de palavra. Mantenha isso em mente na hora de desenvolver seu layout, assim você poderá ter um ótimo layout que servirá para várias línguas.

Datas, números decimais, tempo e vários outros recursos também podem variar de acordo com cada lugar. Mas fique tranquilo, há um tutorial de formatação para Android e um para IOS que te auxiliarão.

3. Pense e informe o contexto

Em todo processo de tradução, sabemos que o contexto da frase é importante. Por isso é de grande importância que você informe esse contexto ao seu tradutor. Ele conseguirá encontrar as palavras chaves mais facilmente, bem como ser mais produtivo.

É muito importante que você também informe a ele sobre o estudo feito sobre o público do país. Assim ele irá incorporar as expressões e palavras mais usadas ao seu aplicativo.

Isso reduzirá o tempo de localização do seu aplicativo, levando-o a entrar no mercado desejado mais rapidamente. Existem alguns sites que te ajudam a fornecer esse contexto para o seu tradutor, como o PhraseApp e a Smartling.

4. Faça um teste

Para começar o teste, você deve retornar com seus novos recursos para seu aplicativo. Essa é a fase que você identificará vários erros, mas isso é normal.

Através de pesquisas, você definirá quais os tamanhos predominantes de telas que estão presentes no mercado alvo. Você deve fazer testes em todos os tamanhos de tela, mas os predominantes garantirão o sucesso do seu App.

Assim, faça os testes de linguagem e de layout e veja se tudo se adequou ao que o mercado esperava. Vários erros serão identificados aqui, como o layout não se adequar ao tamanho da tela, algumas telas de seu aplicativo podem conter textos não traduzidos e pontuação errada.

Certifique-se de identificar todos os erros e corrigi-los, só assim seus usuários terão uma excelente experiência.

5. Faça uma App Store Optimization (ASO)

De nada adianta você ter otimizado todo o seu aplicativo para um mercado se você não for encontrado. Por isso o ASO é importante, ele fará com que as pessoas te encontrem.

O estudo feito sobre o comportamento das pessoas do local, seus hábitos e as expressões que eles usam facilitará seu ASO. Você terá dados para definir palavras-chave melhores, isso facilitará que você descreva seu aplicativo da forma que eles entendam, colocar as screenshots, vídeos e gráficos com informações relevantes para aquele país.

Retorno de investimento (ROI)

Um estudo feito pela Distomo mostrou que a quantidade de downloads de um aplicativo que utilizaram a localização cresceu significativamente. A cada país em que o aplicativo entrou, o número de downloads cresceu cerca de 128%. As receitas também cresceram, cerca de 26% para cada novo país.
Localização de aplicativos - ROI
A globalização nos permite chegar facilmente a novos mercados. E para conquistar esses mercados devemos utilizar a localização de aplicativos, que gerará valor a seu usuário e a sua empresa.

Uma localização bem realizada irá aumentar significativamente o número de downloads. Consequentemente seu número de usuários irá aumentar e a receita gerada pelo seu aplicativo também.

Então, ao criar um plano de negócio para seu aplicativo, pense em como será feito sua localização. Pesquise quais países possuem público em potencial, invista na localização voltada para eles, conquiste o mercado e tenha um aplicativo de sucesso em vários locais!

Já pensou ou teve a experiência de levar seu aplicativo para outros países? Comente com a gente!


  • Daniel Madureira
  • Gerente de marketing
  • Mineiro de Divinópolis, amante do futebol e cruzeirense apaixonado. Adorador de tecnologia e marketing digital. Graduando em Engenharia de Produção. Gosta de uma boa resenha e de contos medievais nas horas vagas. Quem tiver interesse em saber mais é só seguir no Instagram @danielmadureira94

2 thoughts on “O que é localização de aplicativos e porquê fazê-la?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *