O que considerar antes de contratar outsourcing de TI?

Todo empreendimento faz uso de TI, seja em uso de computador para envio de e-mails ou servidor para o site da empresa. No entanto, o uso do TI tem ido além do próprio setor, alcançando outros departamentos, fator que torna os empreendimentos disruptivos e que os colocam em vantagens financeira. Além disso, conquistam o coração dos clientes com as boas experiências. Por isso, contratar outsourcing de TI sai como uma opção, especialmente porque ter a própria equipe de TI pode não ser tão vantajoso assim.

Não há mal algum nisso, pois já constatamos num outro artigo que o outsourcing vale a pena. Porém, a questão do momento é “o que considerar antes de contratar outsourcing?”. Quais as métricas olhar, como avaliar as empresas candidatas e o custo-benefício ideal? Continue lendo para esclarecer!

Como contratar empresa de outsourcing de TI? Atenções que você precisa ter

Existem muitos fatores a serem avaliados antes de contratar outsourcing de TI. Afinal, o objetivo é otimizar os processos, ser disruptivo, reduzir gastos e obter sucesso. Logo, a escolha deve ser muito bem pensada, evitando e prevendo quaisquer tipos de prejuízos para os seus negócios. Confira!

Mapeie as necessidades

Primeiramente, é necessário rastrear todas as necessidades do seu negócio e objetivos. A meta é reduzir custos? Ou modernizar? Ou, ainda, oferecer novas experiências para os clientes e assim fidelizá-los? Este último pode ser solucionado com a criação de um aplicativo, por exemplo, visto que os apps são palpáveis para os usuários. O Burger King teve essa necessidade e tomou uma ação que merece destaque.

Considerando que o budget para publicidade é inferior ao da concorrente Mcdonald’s, o BK resolveu eliminar essa dor de uma forma inteligente. A partir do aplicativo Burn That App, o fast-food liderou o ranking de aplicativos mais baixados e aumentou a clientela. O app fazia uso de inteligência artificial para detectar quaisquer publicidades do McDonalds, queimá-lo artificialmente e oferecer produtos gratuitos.

Em suma, o BK percebeu a sua necessidade antes de procurar pela solução de TI ideal. Portanto, compreender e reunir cada necessidade e objetivo é fundamental, pois requerem diferentes soluções que podem sair das diversas áreas de TI. Ter isso claro também é necessário para fechar o acordo de serviço, como veremos nos tópicos seguintes.

Compare preços: contratar ou terceirizar?

Vamos começar com um fato: a terceirização de TI reduz os custos. Mas como saber se essa afirmação se aplica? Com as necessidades do seu negócio em mãos, você saberá por quais profissionais e qualificações técnicas procurar. Portanto, faça um orçamento para a formação de um departamento de TI in-house.

Para isso, levante cada um deles, e os seus salários, e compare com o quanto sairia para alugar um time externo. Assim você terá a confirmação de qual opção é mais vantajosa, podendo avaliar qual opção é mais sustentável para os negócios. Vale a pena ressaltar que os gastos com equipamentos, infraestrutura, manutenção e treinamentos devem estar incluídos nesse cálculo para o time próprio. Provavelmente, recorrer ao outsourcing de TI será a melhor opção.

Toda essa conta possui um nome: TCO ou Custo Total de Propriedade. Entenda melhor com a indicação de leitura abaixo:

Leia também: o que é TCO?

Avalie a expertise

Agora que você já sabe quais os profissionais ideais para seu problema e o know-how que devem ter, avalie se as empresas na sua lista de preferência alcançam as suas expectativas e o que seu negócio precisa.

Procure saber quais softwares usam, quais serviços oferecem, se possuem os treinamentos adequados e o portfólio. Afinal, essas capacidades devem estar em sintonia com as suas necessidades.

Conte também com o apoio externo. Procure pelos clientes e, se possível, ex-clientes das empresas para ter uma avaliação daqueles que já estabeleceram relações anteriormente. Afinal, antes de baixar um aplicativo, uma das primeiras coisas que fazemos é verificar as avaliações dos outros usuários, certo? Ou seja, isso não deve ser diferente com as empresas que você pretende se relacionar.

Considere a cibersegurança

Dados não são assuntos que devem ser tratados com negligência, especialmente porque os donos desses dados possuem direitos sobre eles e que existem regulamentações para que eles sejam resguardados. Na Europa tem a GPDR, enquanto que no Brasil é a LGPD, ou Lei Geral de Proteção de Dados.

Por que elas são importantes? Toda empresa terá informações que dizem respeito somente a ela e seus colaboradores. Além disso, existem negócios que trabalham com os dados de terceiros, portanto, essas informações devem ser protegidas e essas leis são o que asseguram isso. Assim, as empresas de outsourcing de TI devem garantir a segurança e privacidade dos dados, impedindo que existam ataques ou roubos de informação. Logo, procure por quem coloque a segurança do seu negócio em primeiro lugar.

Faça SLA

Chegou o momento de apertar as mãos e estabelecer o SLA — Acordo de Nível de Serviço — o qual seu negócio e a terceirizada irão discutir as regras do contrato de outsourcing, determinando prazos, exigências e quaisquer outras informações pertinentes. Entenda o SLA como um contrato de garantia de serviços.

Dessa forma, você precisa ter estabelecido as suas prioridades antes de chegar em qualquer reunião para fechar este acordo. Você e o gerente de negócios da terceirizada irão discutir como a empresa a ser contratada irá te atender e a melhor forma de executar.

Conclusão

Antes de tomar a decisão final, avalie a expertise, a economia dos gastos ao contratar outsourcing de TI frente ao time próprio e o grau de prioridade é dado para a segurança das informações. Sempre tenha em mente as necessidades do seu negócio para avaliar qual opção melhor se adeque ao seu problema.

É importante ressaltar que a boa relação com a terceirizada e o sucesso da solução de TI é co-dependente. Isto é, é responsabilidade tanto da contratante quanto da contratada estabelecer boa comunicação para que tudo saia como o desejado. Logo, levante dúvidas, pergunte, ofereça informações e busque entender o que a empresa de outsourcing está propondo!

Para entender um pouco mais sobre as questões de contratar outsourcing de TI, continue lendo e descubra o que vem no pós-contrato como a gestão das equipes remotas. Ou entre em contato comece a considerar a Usemobile!


  • Taysa Bocard
  • Analista de marketing
  • O interesse pela tecnologia e desejo por conhecimentos variados sempre fizeram parte de mim, isso desde a infância. Esse desejo pueril refletiu no meu cotidiano: sou jornalista engajada nas "techs". Porém, a busca pelos saberes não é a parte mais gratificante da minha atuação. Na verdade, o que mais me empolga é passar as informações para frente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Espere! Que tal assinar a nossa newsletter

Conteúdos exclusivos, dicas e eBooks diretamente no seu e-mail.