design-sprint

Design Sprint: Tudo o que você precisa saber

O Design Sprint é um processo de cinco dias para responder a perguntas críticas de negócios por meio de design, prototipagem e teste de ideias com os clientes. Desenvolvido na Google Ventures, ele foi desenvolvido num cenário onde tecnologia, velocidade e inovação se unem para gerar bons resultados.

design-sprint-método

O sucesso do Design Sprint se deve à rapidez e inovação desse processo: ele pode ser usado para qualquer equipe, em qualquer projeto. Aliás, utilizando esse método, a produtividade do projeto aumenta consideravelmente. Vale ressaltar também que ele lhe dá superpotência, uma vez que você pode avançar rapidamente para ver o produto final e as reações do cliente, sem ter que assumir compromissos por isso.

Confira também: metodologias para desenvolver um app e sucesso!

Quer saber tudo sobre o Design Sprint? É só ler nosso artigo até o final.

A história do Design Sprint

A técnica foi criada na Google Ventures pelo design parceiro Jake Knapp. Segundo Jake, ele costumava fazer brainstorms com sua equipe na Google, para gerar ideias e soluções para determinados problemas. Apesar de serem divertidos e gerarem diversas ideias boas, elas dificilmente são colocadas em prática realmente.

Para ele, as melhores ideias tendem a vir de algum indivíduo, e não de grupos. Isso porque grupos têm uma dinâmica onde não necessariamente as melhores ideias sobrevivem. Ao contrário, ficam as que são vendidas de forma mais persuasiva por seu dono. Assim, Jake criou a técnica do Design Sprint, mas ele não fez isso sozinho.

jake-knapp-criador-do-sprint

Em 2012, Jake levou a ideia e o restante da equipe da Google Ventures a aperfeiçoou. Braden Kowitz adicionou o “design centrado na história”, uma abordagem não convencional que se concentra na jornada do cliente, ao invés de pensar nos recursos ou tecnologias individuais. Michael Margolis fez pesquisas com clientes e descobriu uma maneira de obter resultados claros em apenas um dia. John Zeratsky se concentrou em medir os resultados através das principais métricas de cada negócio. E Daniel Burka focou em garantir que cada passo fizesse sentido no mundo real.

Passo a passo do Design Sprint

O passo a passo do Design Sprint é simples. Ele propõe que você faça o processo encurtado do projeto em apenas 40 horas. Mas como? Resumindo: Na segunda-feira, você mapeia. Na terça, você esboça. Na quarta-feira, você filtra. Na quinta, é dia de prototipar. E, finalmente, na sexta-feira, você testa.

Segunda-feira: Mapear

O primeiro dia de Design Sprint é chamado de Unpack. Ou, traduzindo, desempacotar. E é literalmente isso que você e seu time farão nesse momento.

Primeiro, você pensará em um objetivo a longo prazo. Então, vocês vão mapear todos os desafios que terão para alcançar esse objetivo. Depois, chamará especialistas no assunto para que compartilhem sua expertise e o que sabem sobre o objetivo. Por fim, vocês escolherão um problema-alvo: algo que, apesar de ambicioso, é possível resolver em uma semana, com algum esforço.

Ou seja, na segunda-feira, você mapeia os problemas e escolhe um ponto importante no qual você vai focar.

Terça-feira: Esboçar

Sketch é o nome do segundo dia do processo. Depois de definido o problema-alvo, é hora de colocar as ideias no papel.

Cada um do time pensará em diferentes formas de solucionar esse problema e fará o esboço dessa solução. Depois que todos terminarem de esboçar suas possíveis soluções, o time se reunirá, fará uma discussão e, por fim, todos os integrantes votarão nas melhores ideias de como solucionar o problema. Nesse segundo dia, você também começará a planejar o teste do cliente, que será na sexta-feira. Para isso, você recrutará clientes que se ajustem ao seu segmento de negócio.

mesa-de-reunião

Quarta-feira: Filtrar

A quarta é o dia do Decide. Basicamente, nesse dia, você filtrará todas as soluções eleitas no dia anterior. e as transformarão em uma hipótese testável.

Isso porque, apesar de todas as soluções mais votadas serem boas, é impossível colocar todas em prática em tão pouco tempo. Por isso, o que você fará é criticar minuciosamente cada solução e decidir quais têm a melhor chance de atingir sua meta de longo prazo. Depois, você pegará as vencedoras e as transformará em um storyboard: um plano passo a passo para o seu protótipo.

Quinta-feira: Prototipar

No dia do Prototype, quinta-feira, você elabora um protótipo fiel do seu produto final. Nesse dia, ser  produtivo é extremamente essencial. Dessa forma, é importante escolher ferramentas de prototipagem com as quais você e sua equipe já estejam habituados a trabalhar.

Como na quarta-feira você criou um storyboard, tudo o que você precisa fazer é uma fachada realista do seu produto ou serviço para testar com o cliente. Também é importante planejar todas as atividades do dia logo cedo, fazendo um cronograma com horário definido, para garantir que esteja tudo pronto ao fim do dia.

Sexta-feira: Testar

O Test Day ocorre na sexta-feira. Nesse dia, você vai testar a eficácia do seu produto ou serviço com possíveis clientes. Isso definirá a eficácia do seu projeto, para que você veja se vale a pena investir seu tempo e dinheiro nele.

Ao entrevistar os clientes, você observará a reação deles ao seu protótipo. Este teste faz todo o Design Sprint valer a pena: no final do dia, você saberá os pontos fortes e as oportunidades de melhoria que deverá adotar para ter sucesso.

design-sprint-opinião-do-cliente

Por que utilizar o método

1# Evita discussões prolongadas;

2# Reduz os riscos de criação de novas funcionalidades que não são úteis;

3# Reúne informações importantes antes de começar um projeto;

4# Esboça ideias de forma colaborativa;

5# Otimiza decisões com foco nas funcionalidades de maior impacto;

6# Realiza entrevistas e testes com usuários;

7# Potencializa a inovação gastando menos tempo e dinheiro.

Enfim, o Design Sprint é perfeito para você que quer lançar um produto, mas não quer investir tempo e dinheiro em algo que não sabe se terá retorno. Com ele, você pode testar a efetividade de qualquer projeto em apenas 5 dias.


  • Mariana Storto
  • Analista de Marketing Digital e SEO
  • Nascida no interior de São Paulo, já me tornei mineira de coração. Graduanda em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto, sou apaixonada por Comunicação e Marketing Digital. "A vitalidade é demonstrada não apenas pela persistência, mas pela capacidade de começar de novo."

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *