Conheça o Apple Card

Semana passada no Estados Unidos, a Apple lançou seu serviço de cartão de crédito sem tarifas. Além de não possuir anuidade, o serviço será integrado ao iPhone e irá oferecer um programa de cash back diário. Mas não para por aí, o Apple Card, além da sua versão virtual, possui uma física com um design único, deixando os fãs da Apple loucos para ter um. Confira abaixo!

Design único

Além de contar com a função crédito e débito, o Apple Card é feito totalmente de titânio e com seus detalhes gravados a laser. Além disso, o cartão conta apenas com o seu nome, não há data de expiração nem o código de segurança, assim se alguém roubar ou achar seu cartão, não há a possibilidade de usá-lo, pelo menos para compras on-line. 

O cartão físico não conta com a funcionalidade contactless (pagamento por aproximação). Caso queira usar esta função terá que usar o Apple Pay do seu iPhone. Não existe uma taxa mínima para reposição ou custo para aquisição do cartão.

O pingo de todos os “i”s

O Apple Card oferece um integração com sua carteira virtual no seu iPhone, mas também pode ser usando no seu iPad, bem como qualquer outro produto da Apple que seja possível fazer compras usando cartão.

Sem taxas e mais seguro

A Apple afirma que não há taxas anuais, internacionais, taxas por pagamento atrasado ou até mesmo por estourar seu limite de crédito.

Entretanto, apesar de não haver taxas de atraso, se você fizer um pagamento atrasado ou perder um pagamento, a Apple diz que isso resultará em um “acúmulo adicional em relação ao seu saldo”. Isto é, fazer um pagamento atrasado não resultará em penalidades, também conhecidas como aumento das taxas de juros. Você ainda precisará pagar juros sobre o saldo pendente, e um pagamento em atraso afetará a pontuação de crédito, mas as taxas de juros não aumentarão.

Em síntese, quanto mais você atrasa os pagamentos, menos crédito você irá conseguir. Mas, cobranças a mais não existirão. É o que a empresa afirma, pelo menos nos EUA.

Não existem taxas para transações internacionais, entretanto a taxa de conversão fica a cargo da Mastercard, bandeira do cartão.

Sistema de recompensas – Cash back

Além não possuir nenhuma taxa, o sistema de recompensas do Apple Card promete cashbacks diários de até 3% das suas compras. Ainda existe a possibilidade de alterar o seu sistema de recompensa para algo que se adeque melhor ao seus hábitos de compras.

Com o Apple Card, você tem 1% de cash back de todas as suas compras, o que é realmente um diferencial, afinal nenhum cartão oferece isso hoje. Em compras feitas usando o Apple Pay, sistema de pagamento do iPhone e outros produtos Apple, você ganha 2% de cash back, uma boa motivação para usar o Apple Pay onde quer que seja possível.

Para compras feitas na Apple Store (física ou online), você recebe 3% do seu dinheiro gasto na compra. Isso inclui compras feitas na App Store, iTunes Store e outros serviços da Apple. Além disso, esta mesma quantia de cash back é garantida em gasto na Uber e Uber Eats. A empresa afirma que futuramente existirão outros serviços com a mesma taxa de cash back.

Quais o usos do cash back diário?

É muito comum em serviços que possuem cash back possuir limites quanto ao uso do dinheiro. Isto é, todas as recompensas provindas do sistema de cash back só pode ser utilizada em certos tipos de compra. Entretanto, todo cash back vindo de compras do Apple Card é transferido para sua carteira virtual. Isso significa que você poderá usa-lo como um cartão de débito normalmente, se desejar poderá até transferir o seu saldo para uma conta de banco da sua preferência.

O Apple Cash pode ser transferido diretamente sem nenhum custo, a transação demora de 1 à 3 dias. Existem também a possibilidade de transferência instantânea, porém esta irá custar 1% do valor total.

Outras funcionalidades

  • Controle de gastos – Todas as compras feitas com o Apple Card ficam listadas em sua carteira virtual e são separadas por categorias.
  • Notificações PushVocê recebe diretamente no seu celular a confirmação da compra junto a localização dela. Assim facilita ao usuário detectar fraudes.
  • Agendamento de pagamentos – A Apple diz que o Apple Card foi projetado para incentivar os clientes a pagar um pouco mais a cada mês para reduzir os juros, e oferece a flexibilidade de agendar pagamentos de várias maneiras.
  • Privacidade – Como em qualquer cartão de crédito ou débito adicionado à carteira virtual, a Apple cria um número de cartão exclusivo no iPhone para o Apple Card que é armazenado de forma segura. Todos os pagamentos são confirmados com o Face ID ou Touch ID, juntamente com um código de segurança dinâmico e único.

Uma competição de peso

A Apple é uma empresa que busca oferecer sempre qualidade em seus produtos e serviços. O seu cartão não será diferente. Nos últimos anos vimos um crescimento gigantesco no Brasil e em outros países das fintechs, e ver a Apple entrando neste campo só mostra o quanto esse mercado tem a crescer.

Será que no futuro veremos caixas eletrônicos da Apple?

E você ansioso pela chegada do Apple Card no Brasil? 

Conte-nos o que você pensa nos comentários!


  • Vitor R. Galante
  • Gerente de Marketing
  • Viciado em novas tecnologias, adoro e me entusiasmo com novidades. Escrever artigos sobre os mais diversos temas tecnológicos me traz paz de espirito. Morar, trabalhar e estudar em Ouro Preto me fez entender que tradição e inovação podem sim andar juntas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *