Frameworks para desenvolver aplicativos para desktop

Desenvolver aplicativos para desktop multiplataforma é a necessidade da vez devido a crescente demanda por projetos de software econômicos e com prazos curtos. Utilizar frameworks para desenvolver aplicativos para desktop economiza muitos esforços e permite escrever uma única base de código para criar aplicativos para várias plataformas.

Nesse artigo, vamos apresentar 4 frameworks de desenvolvimento de aplicativos para desktop multiplataforma. Então, vamos ao que interessa!

Haxe

Haxe é um framework, de alto nível (high-level), de código aberto e multiplataforma. Ele possui um suporte completo de linguagem, compilador, um conjunto de bibliotecas e ferramentas úteis para o desenvolvimento. 

Com uma única base de código, ele cria aplicativos e jogos para várias plataformas. Como compilador, ele compila o código-fonte equivalente para várias plataformas desktop e essa compilação é realizada da origem para a fonte (done source to source).

Pontos positivos do Haxe:

  • É muito mais rápido que outros compiladores com recursos semelhantes, como por exemplo, Flash ou Flex;
  • O bytecode gerado pelo Haxe é mais rápido que o equivalente produzido por outros frameworks;
  • É uma linguagem simples que permite ao programador desenvolver produtos complexos;
  • Sua plataforma pode se comunicar sem problemas com outras plataformas utilizando o ORM.

Pontos negativos do Haxe:

  • Programas com bibliotecas nativas AS3 (AdobeScript3) não são completamente suportadas pelo Haxe.
  • As dificuldades de depuração aumentam após a tradução da linguagem do código fonte, portanto, a construção de grandes projetos utilizando Haxe requer altos padrões de codificação.
  • Embora seja um framework de código livre, o principal suporte disponibilizado é pago com planos mensais.
  • Embora tenha suporte de desenvolver aplicativos para Desktop e Mobile, os recursos mobile em algumas situações são limitados e não acompanham a atualização dos Sistemas Operacionais móveis em uma velocidade aceitável, sendo assim mais recomendado para desenvolvimento Desktop.

NW.js

NW ou Node WebKit permite o desenvolvimento de software multiplataforma utilizando modernas tecnologias web, como HTML, CSS3 e JavaScript, incluindo o WebGL. Este framework para desenvolver aplicativos desktop fornece suporte para todas as APIs do Node.js e também a maioria dos módulos de terceiros. 

Além disso, ele possibilita a criação de aplicativos para Windows, MacOS e Linux.

Pontos positivos do NW.js:

  • Possui uma lista de aplicativos de demonstração como exemplos de códigos;
  • Para aplicativos mais complexos, possui em suas funções recursos mais completos e maduros que os do Electron;
  • Grande comunidade de desenvolvedores possibilitando facilidade no suporte do desenvolvimento.

Pontos negativos do NW.js:

  • Recursos como a atualização automática e relatório de erros disponíveis no Electron não estão presentes no NW.js.

Swing (Java)

Como parte da estrutura Java, o Swing é uma excelente linguagem de desenvolvimento de aplicativos entre plataformas. Todo o motivo pelo qual o Swing foi desenvolvido foi fornecer um melhor conjunto de componentes da interface gráfica do usuário.

Como o Swing emula a aparência e o estilo de muitas plataformas, ele é uma das melhores estruturas de desktops multiplataforma existentes no mercado. Todos os aplicativos e componentes swing são feitos com a linguagem de programação Java.

Pontos positivos do Swing

  • Fornece diversos componentes diferentes que podem ser utilizados ​​no ambiente Java, incluindo os botões e caixas de seleção típicos e também painéis de rolagem, tabelas, listas e painéis com guias;
  • Permite a criação de aplicações desktop que estejam em conformidade com as estruturas de aplicativos de desktop usadas pelo Windows;
  • Alto grau de flexibilidade e uma profunda dependência de mecanismos de tempo de execução que permitem responder a alterações em suas configurações em tempo de execução. 

Pontos negativos do Swing

  • O Swing exige a execução do Java 2 e, se você não tiver o código eficiente, a execução será lenta;

Electron

Criado inicialmente para o editor de código Atom, o Electron é um framework open-source desenvolvido pelo GitHub. Usando o Node.Js mais recente, o Electron permite aos programadores desenvolverem interfaces de usuário desktop multiplataforma com tecnologias populares da Web: HTML, CSS e JavaScript. O Framework Electron se popularizou rapidamente entre grandes empresas como Microsoft, Facebook, Slack e Docker.

Pontos positivos do Electron:

  • Os desenvolvedores focam no desenvolvimento do aplicativo, uma vez que o Electron, se encarrega das partes difíceis;
  • Para aplicativos desktop, Electron fornece várias funcionalidades básicas, como atualização automática, reportar falhas, gerador de instaladores e recursos específicos de cada sistema;
  • Por ter se popularizado entre as grandes empresas, o material de apoio/suporte disponível na internet é muito grande, o que possibilita aos desenvolvedores acharem mais rapidamente soluções aos problemas encontrados.

Pontos negativos do Electron:

  • O padrão MVC (Model View Controller) não é suportado nativamente, o que é essencial para desenvolvedores;
  • Baixa compatibilidade com plataformas Chrome, sendo necessário ao desenvolvedor tratar alguns casos separadamente;
  • Não é tão completo e maduro em recursos quanto o NW.js.

O desenvolvimento de aplicativos pode ir além das versões desktops, chegando até os sistemas operacionais mobile. Como as possibilidades são muitas, continue no assunto conhecendo os frameworks para desenvolvimento de aplicativos.

E aí, ficou interessado em desenvolver aplicativos para desktop multiplataforma? Entre em contato e peça um orçamento!


  • Marketeam
  • Equipe de Marketing
  • Ninguém jamais deveria levar o crédito pelo trabalho de outras pessoas! Certos artigos aqui na Usemobile são criados de forma tão colaborativa que é impossível atribuir-lo a uma só pessoa. Por isso, este artigo é do time que joga na linha de frente, o Marketeam.

2 comentários no post “Frameworks para desenvolver aplicativos para desktop

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *