Aplicativos para supermercados e a transformação digital do setor

Crises econômicas ao longo da história se mostraram inerentes ao nosso sistema capitalista, e estas podem ser provocadas por diversos fatores. Entretanto, também observando a história, percebe-se que os momentos de recuperação se mostram bastante propícios para a criação, desenvolvimento e consolidação de novas tendências.

Com a crise causada pela pandemia que vivemos, diversos setores tiveram que se reestruturar, sendos eles serviços essenciais ou não. Dentre os vários, neste artigo vamos tratar sobre a transformação digital a partir de aplicativos para supermercados e a tendência dos aplicativos móveis como a principal ferramenta.

Não se trata apenas de um aplicativo de entrega

Primeiramente, vamos deixar claro o que pode não parecer óbvio. Um aplicativo para supermercado não é um aplicativo de entregas!

É claro que o recurso de entregas é uma das principais funcionalidades em um app desse tipo — e é extremamente recomendável que ele tenha esse serviço integrado. Entretanto, aqui estamos tratando principalmente sobre a aplicação da transformação digital nos negócios, baseados nas mudanças nas formas de consumo. Assim, diversas funcionalidades podem ser integradas em aplicativos para supermercados, sendo moldadas de acordo com a necessidade dos seus clientes e alinhada com as estratégias do seu plano de negócios.

O ponto aqui é entender o que você pode oferecer e como você pode agregar valor com uma ferramenta digital em mãos. Quando falamos de tecnologia, as opções e possibilidades são inúmera. Dessa forma, faça o MVP do seu app, exija o máximo dos seus desenvolvedores e da sua equipe que estará trabalhando no projeto e pense sempre como o aplicativo poderá oferecer mais para os seus clientes.

Defina se seu app será apenas para uso externo ou se será também para uso interno.

Criar uma plataforma onde seus clientes possam comprar e, posteriormente, fidelizar a sua marca é extremamente importante para o foco nas vendas de produtos e serviços online. Mas o que não pode ficar de fora é o processo de desenvolvimento da ideia e da criação do app. Para isso é importante que seja discutido a possibilidade de uma versão para o uso interno dos colaboradores.

A digitalização tende a otimizar e aumentar a eficiência dos processos internos. Dessa forma, a capacitação da equipe se torna um passo necessário para essa transição. Se for um aplicativo apenas para clientes, você irá precisar de uma pequena equipe para gerir o app através de dashboard administrativo. Caso o app seja também para funcionários, além de fornecer dispositivos para a execução das tarefas, será necessário o treinamento dos funcionários para o uso desse sistema. Falarei melhor sobre o assunto mais tarde.

Agregando valor a sua marca

Um aplicativo, seja para uso exclusivo dos clientes ou mesmo de gestão da equipe, pode agregar valor para uma empresa de muitas maneiras. Na verdade, esse é um benefício proporcionado pela transformação digital de forma geral, mas as aplicações móveis se mostraram ferramentas extremamente eficientes no que se diz respeito a otimização de processos e pessoas e geração de valor.

As estratégias, ferramentas e recursos que podem ser usadas no desenvolvimento de uma plataforma são inúmeras, mas algumas são fundamentais para o engajamento e reconhecimento dos clientes. Vamos conhecer algumas delas!  

Tente unir serviços essenciais e complementares ao seu

Para grandes lojas ou mesmo uma rede de supermercados, o serviço básico e os produtos oferecidos já estão bem definidos. Assim, busque acrescentar e unir produtos, serviços e soluções que podem derivar do seu negócio. 

A compra on-line e o serviço de entregas por si só já são ótimos exemplos, mas existem diversas possibilidades ainda mais se pensarmos em tecnologias como a Inteligência Artificial, Realidade Aumentada e Realidade Virtual. As soluções podem ser as mais variadas e irão depender de uma estratégia clara e muito estudo de mercado. 

Das três tecnologias citadas, a inteligência artificial pode ser aliada para implementação de chatbots para o atendimento dos seus clientes. Já a Realidade aumentada para oferecer informações ricas sobre os produtos das suas gôndolas, como data de vencimento, tabela nutricional, dentre diversas outras possibilidades.

Um espaço exclusivo para feedback dos clientes

Aqui no nosso blog sempre enfatizamos a importância de ter um espaço para críticas, sugestões e elogias num aplicativo. Elas são responsáveis por evidenciar eventuais pontos que precisam serem melhorados, perceber novas demandas e abrem espaço para um feedback da sua equipe para consumidores insatisfeitos. 

Bons feedbacks agregam o valor da preocupação e facilitam o bom relacionamento com seus clientes.

Invista na capacitação da sua equipe 

Como já dito anteriormente, mesmo que o seu app vise apenas o uso para clientes, sua equipe precisa estar a par de todas as mudanças que a transformação digital irá implicar, seja nas alterações de pequenas tarefas ou a adição de novas. 

Para sistemas de uso interno da equipe, as mudanças e desafios são ainda maiores. Além de investir em equipamentos, é preciso um treinamento intenso para seus colaboradores. A modernização é expansiva e pode causar receios, mas a mudança é extremamente vantajosa. Segundo uma pesquisa encomendada pela Salesforce, os aplicativos móveis especificamente, podem elevar a produtividade dos funcionários em até 34%. 

Aposta nos mercados regionais

Grandes empresas como Carrefour Brasil, Extra e Pão de Açúcar operam em grande parte das metrópoles brasileiras e são pioneiras da transformação digital desse setor — e todas elas já possuem seus aplicativos. Os aplicativos para supermercados tem como principal objetivo a venda de eletrônicos e bens de consumo intermediários. 

Assim, pode-se observar um espaço a ser explorado por redes regionais de supermercados, visto que a comercialização de bens perecíveis, e alimentos no geral, necessitam de um suporte físico próximo para a logística de distribuição. Essa lógica que não se aplica ao setor varejista ou farmacêutico.

Por fim

Percebe-se que a transformação digital no setor ainda está no início e limitada aos grandes centros e mesmo assim existem grandes players que parecem não fazer questão de largarem na frente nessa corrida, talvez por não julgarem necessário, ou apenas por não considerar o momento atual como sendo o propício.

Veja também: Fracasso da KODAK: como não falir na era digital

Podemos concluir que, mesmo já tendo algumas empresas que largaram na frente nessa disputa, ainda existe carência e falta de cultura desses serviços nos grandes centros e principalmente em meso e microrregiões por todo o país.

Faça diferente e transforme seu negócio com aplicativos para supermercados. Se você ficou interessado em saber mais sobre o desenvolvimento de projetos relacionados ao tema, entre em contato com a Usemobile. Nós possuímos experiência em transformação digital através dos aplicativos móveis.


  • Luiz Felipe S. Dantas
  • Copywriter
  • Baiano de Eunápolis, graduando em Economia, apaixonado por música, esportes e dota 2. Sou um admirador da capacidade das boas ideias, somadas a tecnologias inovadoras, solucionarem problemas e otimizar nossa realidade. Ser parte do time de marketing da Usemobile, me proporciona um estudo direto desses assuntos e um maior contato com o mundo das inovações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *